Além do tempo e mais um dia
Autora: Lu Piras
Editora: L&PM Editores
Número de Páginas: 352

Sinopse: Até onde é possível desafiar os próprios limites?
Benjamin González Delamy teve poliomielite aos três anos. A doença paralisou suas pernas e o obrigou a passar a maior parte da infância preso a uma cadeira de rodas. Porém, ele tem a sorte de contar com uma família amorosa, que o apoia e o incentiva a não se resignar e a nunca desistir. Na escola, conta com a amizade de Angelina, uma doce menina que cuida dele e o protege. 
Aos doze anos, cansado de depender dos outros e do olhar de piedade das pessoas, convence os pais e os médicos de que a amputação é sua melhor chance de poder levar uma vida autônoma: a cirurgia o habilitaria a usar próteses, e seu grande sonho é ser um velocista profissional e participar das olimpíadas. Benjamin sabe que a decisão pela amputação é apenas o primeiro passo de uma longa caminhada repleta de desafios, tanto para o corpo como para a mente.

Ao lado de Angelina, sua amiga de infância e primeiro amor, ele se sente capaz de tudo. Mas o destino lhe pregará outra peça, colocando-se no caminho dos dois. Sem Angelina, será ele capaz de lutar pelo seu sonho? Até onde vai sua determinação? E seu amor por Angelina?

Uma encantadora história sobre superação, resistência, coragem e esforços sobre-humanos – e sobre um amor além do tempo.



Minha Opinião:
Terceiro livro da Lu Piras que leio. O amadurecimento e as diferenças nessa obra me surpreenderam. E em uma editora que sou fã, ela nos trouxe um livro que nos motiva ir além, em todos os aspectos, correr atrás de nossos sonhos. Mesmo sendo um tanto improváveis, jamais são impossíveis.

Conhecemos a história de Benjamim González Delamy, um jovem que teve o diagnóstico de poliomielite espinhal aos três de idade. Uma criança ainda, mas com um sorriso no rosto, mesmo nos dias mais complicados da doença.

Já com treze anos, ele estuda em uma escola de freiras, algo que combinou com seus pais, uma vez que é um jovem especial em relação aos outros. Ele quer se tornar cada vez mais independente de seus pais e de seu irmão, mas essa tarefa não será nada fácil. Como em toda escola, tem aqueles alunos que fazem piadinhas com nosso protagonista, além de brincadeiras um tanto sem graça, mas isso não faz dele um coitadinho, e sim um rapaz corajoso e que conquista todos à sua volta.

Ele é um garoto tão simpático que acabou conquistando uma garota, Angelina. Ela também tem seus problemas pessoais, mas nada muito parecido com o de Ben. Ela tenta ser a guardiã do jovem, cuidando e protegendo dos colegas de classe, uma menina de ouro e que sofre com uma mãe alcoólatra e um pai ausente, mas que tem a irmã, Luzia, como amiga, conselheira e mãe de coração.

Ben, mesmo novo, tem uma decisão importante. Ele optou pela amputação das pernas em busca de um sonho maior: ser um corredor profissional, algo que com próteses adequadas será possível. Seus pais logo de cara não gostam muito da ideia, mas com a determinação do filho acabam concordando e apoiando-o.

Depois de alguns anos, Ben já está na faculdade e sua amiga já não mora mais no Rio, parou de conversar com ele havia três anos e ele agora estuda Agronomia e participa de corridas da faculdade, mas ainda não profissionalmente.

A história em si nos comove, nos aflige. Mas no fim das contas acaba nos motivando. As palavras da autora nos anima e a determinação do protagonista nos conquista.

Enfim, é uma leitura que indico a todos os leitores, para aqueles que querem algo diferente e novo ou para aqueles que estão buscando uma leitura nacional.

A editora caprichou na linda edição, com uma capa de acordo com a história e fonte ótima para leitura.



Deixe um comentário

Agradeço desde já sua visita, adoraria saber sua opinião, critica, elogio, sugestão.
Ah deixe seu link que assim que possível retribuo a visita e o comentário.
Alguma dúvida enviar o e-mail para mari.blogstoriesandavice@gmail.com.
Beijo Mari ♥